Número total de visualizações de página

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

OS HOSPITAIS MEDIEVAIS DE LISBOA - Hospital do Santo Espírito, de Bucelas

As confrarias do Espírito Santo tinham como objectivo, entre outros, o auxílio aos enfermos. A antiga capela do Espírito Santo integrava, em 1320, uma Colegiada e estava acompanhada por um hospital, encontrando-se ambos dentro do perímetro de um adro, localizado na área ocupada pela estrada nacional e um parque de estacionamento, junto ao edifício actualmente ocupado pela Junta de Freguesia de Bucelas. A capela funcionou como igreja matriz até 1520, altura em que foi substituída pela Igreja de Nossa Senhora da Purificação; a colegiada foi extinta em 1848.[1] Na actual igreja matriz existe um grupo escultórico do séc. XV, que foi o frontão da capela do antigo hospital, representando a Santíssima Trindade.[2] O hospital foi incorporado no Hospital de Todos-os-Santos.[3]


[1] Carla Varela Fernandes, O (des)conhecido retábulo da antiga capela do Espírito Santo de Bucelas, Arqueologia & História, p. 165, em http://www.academia.edu/3721263/O_des_conhecido_retabulo_da_antiga_capela_do_Espirito_Santo_de_Bucelas?login=cristinamoisao@gmail.com&email_was_taken=true, consultado em 23-12-2013
[3] Fernando da Silva Correia, Os Velhos Hospitais da Lisboa Antiga, Revista Municipal nº 10, Câmara Municipal de Lisboa, 1941, p. 11

Sem comentários:

Enviar um comentário